Nuno Ramos


Nuno Ramos - Série Anjo e Boneco 0, 2013

Nuno Ramos
Série Anjo e Boneco 0, 2013
Guache e carvão sobre papel
70 X 100 cm

information about this work informações sobre esta obra
Nuno Ramos - Sol

Nuno Ramos
Sol
Escultura – tecido, metal, vidro, parafina, plástico, cobre, pelúcia e folha de ouro
165 x 75 x 50 cm

information about this work informações sobre esta obra
N Ramos - La barca - 2017 - 205 x 172 x 9 cm

NUNO RAMOS
LA BARCA, 2017
VASELINA, CERA DE ABELHA, PIGMENTO, CARVÃO E TINTA À ÓLEO SOBRE PAPEL
205 X 172 X 09 CM

information about this work informações sobre esta obra
Nuno Ramos - 238 x 171 cm (com moldura)

NUNO RAMOS
SÉRIE PROTEU, 2015
VASELINA, CARIMBO,CERA DE ABELHA, CARVÃO E TINTA À ÓLEO SOBRE PAPEL
238 X 171 CM (COM MOLDURA)

information about this work informações sobre esta obra
N Ramos S titulo 04 2014 90 x 180 cm

NUNO RAMOS
SEM TÍTULO, 2014
PELÚCIA, ALUMÍNIO, TINTA À ÓLEO, ESPELHO, E ACRÍLICO SOBRE MADEIRA
95 X 185 CM

information about this work informações sobre esta obra

Nuno Ramos, 1960, São Paulo, SP, Brasil.
Vive e trabalha em São Paulo, SP, Brasil.
Nuno Ramos nasceu em 1960, em São Paulo, onde vive e trabalha. Formou-se em Filosofia pela Universidade de São Paulo em 1982. Artista plástico e escritor, participou de diversas exposições coletivas, como a 29ª Bienal Internacional de São Paulo em 2010 e a Bienal de Veneza de 1995. Em suas exposições individuais, destacam-se Fruto Estranho, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Nuno Ramos, Instituto Cultural Tomie Ohtake (2006), Morte das Casas, Centro Cultural Banco do Brasil (2004) e Mar Morto, Galeria Anita Schwarz, Rio de Janeiro (2009), ganhadora do Prêmio Bravo! – Melhor exposição do ano. Ganhou diversos prêmios, incluindo o Grand Award (pelo conjunto da obra) – da Barnett Newmann Foundation (2007). Publicou em 1993 o livro Cujo, pela Editora 34, em 2000 Minha Fantasma, edição de autor, em 2001, O Pão do Corvo, Editora 34, em 2008, Ensaio Geral, Editora Globo, em 2009, Ó, Editora Iluminuras (ganhador do Prêmio Portugal Telecom de Literatura), em 2010 publicou O Mau Vidraceiro, Editora Globo e em 2011, Nuno Ramos, pela editora Cobogó e Junco, pela editora Iluminuras. Podemos encontrar ainda em sua produção gravuras, pinturas, fotografias, instalações, vídeos e canções.

Currículo completo

Nuno Ramos, 1960, São Paulo, SP, Brasil.
Vive e trabalha em [lives and works in] São Paulo, SP, Brasil.

exposições individuais | solo exhibitions
2016 Nuno Ramos, Galeria Celma Albuquerque, Belo Horizonte, Brasil
Nuno Ramos – o direito à preguiça, CCBB, Belo Horizonte, Brasil
2015 Estação Pinacoteca, São Paulo, Brasil
Centro Cultural Banco do Brasil, Belo Horizonte, Brasil
Só Lâmina, Galeria de Artes do Sesc Arapiraca, Arapiraca, Brasil
2014 Ensaio Sobre a Dádiva, Fundação Iberê Camargo, Porto Alegre, Brasil
Hora da Razão, Caixa Cultural Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil
É isto um homem?, Museu da Imigração, São Paulo, Brasil
Só Lâmina, SESC Centro, Porto Velho; SESC Palmas, Palmas, Brasil
2013 Anjo e Boneco (guaches, 2013), Galeria Fortes Vilaça, São Paulo, Brasil
Cal 87, Centro Universitário Maria Antonia, São Paulo, Brasil
Museu Oscar Niemeyer, Curitiba, Brasil
Só Lâmina, SESC Petrolina, Petrolina, Brasil; MAMAM – Museu de Arte
Moderna Aloísio Magalhães, Recife, Brasil
2012 Nuno Ramos, Ivory Press, Madri, Espanha
Só Lâmina, SESC Palladium, Belo Horizonte, Brasil
O globo da morte de tudo, com Eduardo Climachauska, Galeria Anita Schwartz, Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
3 Lamas (Ai, pareciam eternas!), Galeria Celma Albuquerque, Belo Horizonte, Brasil
2010 Fruto Estranho, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil
Gallery 32 – Embassy of Brazil, London, UK
2008 Fodasefoice, Galpão Fortes Vilaça, São Paulo, Brasil
Asa Branca, Funarte – Fundação Nacional de Artes, Belo Horizonte, Brasil
Pergunte ao, Fundação Eva Klabin, Rio de Janeiro, Brasil
Galeria Bernardo Marques, Lisboa, Portugal
Centro Cultural Banco do Brasil, Brasília, Brasil
2009 Mar Morto, Galeria Anita Schwartz, Rio de Janeiro, Brasil
2006 Nuno Ramos, Instituto Cultural Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil
Umanoite, Arte21 Galeria, Rio de Janeiro
Ouro Negro, Matias Brotas Galeria, Vitória, Brasil
Ai de mim!, Galeria Fortes Vilaça, São Paulo, Brasil
2004 Morte das Casas, Centro Cultural Banco do Brasil, São Paulo, Brasil
Nuno Ramos e Frank Stella, Nave 5, São Paulo, Brasil
2003 Folha Seca, Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil
O que são as horas?, Museu da Pampulha, Belo Horizonte, Brasil
Calado, (permanent public work), Museu do Açude, Rio de Janeiro, Brasil
Maré-caixão (non-permanent public work), Palmas, Santa Catarina, Brasil
2002 Terra da Sede, Centro Cultural Maria Antonia, São Paulo, Brasil
Galeria Casa da Imagem, Curitiba, Brasil
Luz Negra, Galeria Fortes Vilaça, São Paulo, Brasil
Pagão, Igreja do Rosário, Ouro Preto; Escola Guignard, Belo Horizonte, Brasil
Fungos, second version, Museu da Inconfidência, Ouro Preto Galeria Gesto Gráfico, Belo Horizonte, Brasil
Dois Irmãos, Maria Helena e Antonio Carlos Viana de Barros Collection, Juqueí, Brasil
2001 Craca, second version (permanent public sculpture), São Paulo, Brasil
Maré, second version (non-permanent public sculpture), Palmas, Brasil
2000 Nuno Ramos, Museu de Arte Contemporânea, São Paulo, Brasil
Maré- Mobília, (non-permanent public sculpture), Nova Almeida, Brasil
El Olimpo, Centro Cultural Maria Antonia, São Paulo, Brasil
Para Goeldi, second version, Casa Vermelha, Curitiba, Brasil
Black and Blue, Museum of Contemporary Art, San Diego, EUA
Minuano (permanent public work), Barra do Quarai, Brasil
1999 Nuno Ramos, Centro Hélio Oiticica, Rio de Janeiro, Brasil
1998 Noites Brancas, ARCO, Project Room, Madri, Espanha
Fungos, Museu da Chácara do Céu, Rio de Janeiro, Brasil
Galeria Camargo Vilaça, São Paulo, Brasil
Paço das Artes, atelier Finep, Rio de Janeiro, Brasil
1997 Manorá, Centro de Estudos Brasileiros, Assunción, Paraguai
Afogadas, Museu de Arte de São Paulo e Centro Hélio Oiticia, Rio de Janeiro, Brasil
1996 Para Goeldi, AS Studio, São Paulo, Brasil
Às Vezes, Universidade Federal do Espírito Santo, Brasil
Matacão, Orlândia (permanent public sculpture), Brasil
1995 Milky-Way, Brooke-Alexander, New York, EUA
1994 Montes, SESC-Pompéia, São Paulo, Brasil
1993 111, Gabinete de Arte, Raquel Arnaud, Brasil
1992 Centro de Estudos Brasileiros, Assunción, Paraguai
111, Sala Mario Quintana, Porto Alegre, Brasil
1991 Gabinete de Arte, São Paulo, Brasil
Galeria Gesto Gráfico, Belo Horizonte, Brasil
1990 Gabinete de Arte, São Paulo, Brasil
Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil
Pulitzer Art Gallery, Amsterdã, Holanda
1988 Museu de Arte Contemporânea, São Paulo, Brasil
INAP-Funarte, Rio de Janeiro, Brasil
1987 Perspectivas Recentes da Escultura Brasileira, INAP-Funarte, Rio de Janeiro, Brasil
1983 Sesc Vila-Nova, São Paulo, Brasil

exposições coletivas | group exhibitions
2015 Casa 7 no Pivô, Pivô, São Paulo, Brasil
Rio, de todos os sons, Cidade das Artes, Rio de Janeiro, Brasil
The Poetry In Between: South-South, Goodman Gallery, Cape Town, South Africa
A primeira do ano – Pequenos Formatos, Anita Schwartz Galeria de Arte, Rio de Janeiro, Brasil
CCNK – Centro Cultural Néstor Kirchner, Buenos Aires, Argentina
Retroprospectiva: 25 anos do Programa de Exposições CCSP, Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil
O Espírito de Cada Época, Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto, Brasil
2014 É tudo Nordeste? – 3ª Bienal da Bahia, Museu de Arte Moderna da Bahia, Salvador, Brasil
140 Caracteres, MAM Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo, Brasil
Éter, Galeria Anita Schwartz, Rio de Janeiro, Brasil
Vertigo, SIM Galeria, Curitiba, Brasil
A Tara por Livros ou a Tara de Papel, Galeria Bergamin, São Paulo, Brasil
Matriz e Desconstrução, Anita Schwartz Galeria, Rio de Janeiro, Brasil
Inventário da Paixão, Museu Histórico Nacional, Rio de Janeiro, Brasil
Trans-visible – 19 Bienal de Arte Paiz, Fundación Paiz, Guatemala
Made by… Feito por Brasileiros, Cidade Matarazzo, São Paulo, Brasil
Trans-visible – 19 Bienal de Arte Paiz, Fundación Paiz, Guatemala
NO SÉ (El templo del Sol), Parque de la Memoria, Buenos Aires, Argentina
First Escape and Rescue Plan for the Rhine Main Region, Künstlerhaus
Mousonturm Frankfurt a.M., Frankfurt, Germany
Casa 7, Galeria Bergamin, São Paulo, Brasil
Coletiva de Verão, Galeria Fortes Vilaça, São Paulo, Brasil
2013 Abstractions, Carré d’Art Museum, Nîmes, França
Tomie Ohtake – Correspondências, Instituto Tomie Othake, São Paulo, Brasil
2012 Mostra SESC de Artes, SESC Pompéia, São Paulo, Brasil
2011 Europalia, Fodasefoice, performance at Atelier Sidnei Tendler, Bruxelas, Bélgica
2010 XXIX Bienal Internacional de São Paulo, Brasil
2009 Arte para Crianças – Uma exposição de arte contemporânea para o publico infantil, SESC Pompéia, São Paulo, Brasil
5ª Bienal VentoSul, Instituto Paranaense de Arte, Curitiba, Brasil
2008 God is Design, Galpão Fortes Vilaça, São Paulo, Brasil
Geografías (in)visibles – Arte Contemporáneo Latinoamericano en la Colección Patricia Phelps de Cisneros, Centro León, Santiago, República Domincana
De Perto e de Longe – Paralela 08, Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo, São Brasil
2007 80-90: Modernos, Pós Modernos, etc, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil
Encuentro entre dos Mares, Bienal de São Paulo – Valencia, Valância, Espanha
Poética da Percepção, Espaço Vivo, São Paulo, Brasil
2006 MAM na Oca, Pavilhão Lucas Nogueira Garcez, São Paulo, Brasil
Paralela, Pavilhão Armando de Arruda Pereira, São Paulo, Brasil
CACI – Centro de Arte Contemporânea de Inhotim, Brumadinho, Brasil
2005 5ª Bienal do Mercosul, Porto Alegre, Brasil
29º Panorama de Arte Brasileira, MAM – Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo, Brasil
2004 Casa – Poética do Espaço na Arte Brasileira, Museu Vale do Rio Doce, Vila Velha, Brasil
Novas aquisições 2003 – Coleção Gilberto Chateaubriand, MAM -Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil
Encontro com Arte – Nuno Ramos e Frank Stella, Nave5, São Paulo, Brasil
Como vai você , Geração 80?, Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro; Centro Cultural Banco do Brasil, Brasília, Brasil
Invenção de Mundos, Coleção Marcantônio Vilaça, Museu Vale do Rio Doce, Vila Velha, Brasil
2003 Marcantonio Vilaça – Passaporte Contemporâneo, MAC USP – Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil
Quero ter olhos para ver, I Mostra do Programa de Exposições 2003, Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil
2002 Caminhos do Contemporâneo, Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil
Ultrabaroque – Aspects of Post Latin American Art, Museu de Arte de Porto Rico, Porto Rico; Chicago Cultural Center, Chicago, EUA
Atarazanas, Valencia, Spain; Forth Worth Museum of Modern Art, San Francisco, USA; Museum of Modern Art, Walker Art Center, Minneapolis, EUA
Coleção Gilberto Chateaubriand, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Brasil
Homenagem a Emanuel Araújo, Pinacoteca do Estado, São Paulo, Brasil
Violência e Paixão, Mostra Rio, Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro, Centro Cultural Santander, Porto Alegre, Brasil
2001 A Luz na Arte Brasileira, Centro Cultural Itaú, São Paulo, Brasil
Espelho Cego, Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil
O Olhar Hedonista, Museu da Cidade, Barra Mansa, Brasil
Fim de Milênio, Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil
Esculturas Brasileiras na Luz, Paço das Artes, São Paulo, Brasil
A Imagem do Som de Antonio Carlos Jobim, Paço das Artes, Rio de Janeiro, Brasil
Bienal 50 anos, Fundação Bienal, São Paulo, Brasil
A Ótica do Invisível, Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro e São Paulo, Brasil
Paralela, São Paulo, Brasil
Experiment-Experiência, Museum of Modern Art, Oxford, Reino Unido
Brasil Políticas de la diferencia: Arte Iberoamericano fin de siglo, Museo Nacional de Belas Artes de Buenos Aires, Buenos Aires, Argentina, Pinacoteca do Estado de São Paulo, São Paulo, Brasil; Museo Sofia Amber, Caracas, Venezuela; Museu de Arte Contemporáneo de Mexico, Cidade do México, México
2000 O Trabalho do Artista, Instituto Cultural Itaú, São Paulo, Brasil
Ultrabaroque, Aspects of Post-Latin American Art, Museum of Contemporary Art, San Diego, Modern Art
Museum of Fort Worth, San Francisco, Miami Art Museum, Miami and Walker Art Center, Minneapolis, EUA
Brasil 500 anos, Fundação Bienal de São Paulo, Fundação Calouste Goulbenkian, Lisboa, Portugal
1999 Manorá (second version), Por quê Duchamp?, Paço das Artes, São Paulo, Brasil
Figuras, quase Figuras, Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo, Brasil
1998 Navegar é Preciso, Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil
As dimensões da arte contemporânea, Museu de Arte de Ribeirão Preto, Ribeirão Preto, Brasil
Canibaliafetiva, A Estufa, São Paulo, Brasil
Camargovilaça bis, São Paulo, Brasil
1997 Série Mácula, Luz, Casa das Rosas, São Paulo, Brasil
Casa da Imagem, Curitiba, Brasil
Milky-Way, AsiEstalaCosa, Ciudad de México, México
Arte Pará 97, Museu do Estado, Belém do Pará, Brasil
V Bienal Nacional de Arte de Guayana, Venezuela
Fornalha (non permanent public work), Avenida Paulista, São Paulo, Brasil
Diversidade da Escultura Brasileira Contemporânea, Instituto Itaú Cultural, São Paulo, Brasil
A Arte Contemporânea da Gravura, Fundação Cultural de Curitiba, Brasil
1996 Desabadas, Exposição Excesso, Paço das Artes, São Paulo, Brasil
Fornos, Camargo Vilaça, São Paulo, Brasil
Coleção Rubem Breitmann, Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil
1995 Craca, XLVI Biennale di Venecia, Veneza, Itália
Para Goeldi, XI Mostra de Gravura de Curitiba, Curitiba, Brasil
Lajes, Confrontos e Contrastes, Londrina, Brasil
1994 111, Bienal Brasil Século XX, São Paulo, Brasil
Mácula, XXII Bienal Internacional de São Paulo, Brasil
Espaço Namour, São Paulo, Brasil
A fotografia contaminada, Centro Cultural de São Paulo, Brasil
1993 Poética, Gabinete de Arte, São Paulo, Brasil
1992 Quatro Artistas da Coleção Marcantonio Villaça, Casa das Rosas, São Paulo, Brasil
Semana da Semana, Teatro Municipal de São Paulo, Brasil
Brazilian Contemporary Art, Parque Lage, Rio de Janeiro/ Museu de Arte Contemporânea, São Paulo, Brasil
Latin American Artists of the XXth Century, Estación Plaza de Armas, Sevilla, Centre Georges Pompidou, Paris, Kunsthalle, Colonia e The Museum of Modern Art, Nova York
10 Artistas Paulistas, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Brasil
Gabinete de Arte, São Paulo, Brasil
1991 Brasil: La Nueva Generación, Museo de Arte Moderna de Caracas, Venezuela
BR-80, Galeria Itaú, São Paulo, Brasil
I Bienal Internacional de Pintura de Cuenca, Cuenca, Equador
Formas tri-dimensionais: a questão orgânica, Museu Municipal de Arte de Curitiba Galpão EMBRA, Belo Horizonte, Brasil
1989 10 Artistas, Atelier Fortunato, São Paulo, Brasil
XX Bienal Internacional de São Paulo, Brasil
1988 Brasiljá, Leverkusen, Stuttgart, Hannover, Alemanha
Modernité, Musée de la Ville de Paris e Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil
Anos 80, Galeria Arco, São Paulo, Brasil
Homenagem a Carlos Ziccardi, Galeria Subdistrito, São Paulo, Brasil
1987 Expressionismo no Brasil, Heranças e Afinidades, XIX Bienal Internacional de São Paulo, Brasil
1986 Trienal de Nova Delhi, Índia
Segunda Bienal Internacional de Habana, Cuba
Bienal Latino Americana de Arte Sobre papel, Buenos Aires, Argentina
1985 Casa 7, Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro e Museu de Arte Contemporânea, São Paulo, Brasil
12 Artistas Paulistas, Galeria Subdistrito, São Paulo, Brasil
XVIII Bienal Internacional de São Paulo, Brasil
1984 Painéis, Paço das Artes, São Paulo, Brasil
Pintura, Centro Cultural São Paulo, Brasil
Arte na Rua, São Paulo, Brasil
Segundo Salão Paulista de Arte Contemporânea, São Paulo, Brasil
Sétimo Salão Nacional de Artes Plásticas, Fortaleza, Brasil
1983 Salão de Arte Contemporânea de Piracicaba, Piracicaba, Brasil

prêmios e bolsas | grants and awards
2006 2° Prêmio Bravo! Prime de Cultura, Artes Plásticas – Exposição Individual, Brasil
Grant Award – The Barnett and Annalee Newman Foundation, USA
Individual Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil
Prêmio Mário Pedrosa – ABCA – Associação Brasileira de Críticos de Arte, Brasil
2000 El Olimpo, Parque de la memória, Argentina
1994 Bolsa da Fundação Vitae – Apoio à Cultura, Educação e Bem Estar Social, Brasil
1990 Brazilian Prize for Visual Arts
1987 1st Emile Eddé Visual Arts Scholarship, Brasil
1986 Painting Prize, 6th New Delhi Triennial, India
1984 7º Salão Nacional de Artes Plásticas, Brasil

livros | books
2011 Junco, Editora Iluminuras, São Paulo, Brasil
2010 O Mau Vidraceiro, Editora Globo, São Paulo, Brasil
2009 O, Editora Iluminuras, São Paulo, Brasil
2008 Ensaio geral, Editora Globo, São Paulo, Brasil
2001 O Pão do Corvo, Editora 34, São Paulo, Brasil
2000 Minha Fantasma, edição do autor, São Paulo, Brasil
1993 Cujo, Editora 34, São Paulo, Brasil

livros de arte e objetos | art books and objects
2003 Mocambos (paraGoeldi 3), livro e edição de gravuras, Museu de Arte Moderna de São Paulo e Galeria Paulo Fernandes, Brasil
2002 Un coup de dés, Galeria Fortes Villaça, Brasil
2001 Magalhães, The Coutts Contemporary Art Foundation, Suíça
1995 Balada, Editora 34, Brasil

filmes e vídeos | films and videos
2002 Para Nelson (Luz Negra e Duas Horas), com Eduardo Climashauska
2003 Alvorada
Casco, com Eduardo Climashauska e Gustavo Moura
2006 Iluminai os Terreiros, com Eduardo Climashauska e Gustavo Moura
2010 Verme

coleções | collections
Inhotim Centro de Arte Contemporânea, Minas Gerais, Brasil
Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo – MAC USP, São Paulo, Brasil
Museu de Arte de Brasília, Brasília, Brasil
Museu de Arte Moderna de São Paulo – MAM, São Paulo, Brasil

formação | education
1982 Graduação em Filosofia na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo – FFLCH/USP

Full curriculum

Nuno Ramos, 1960, São Paulo, SP, Brasil.
Vive e trabalha em [lives and works in] São Paulo, SP, Brasil.

exposições individuais | solo exhibitions
2016 Nuno Ramos, Galeria Celma Albuquerque, Belo Horizonte, Brasil
Nuno Ramos – o direito à preguiça, CCBB, Belo Horizonte, Brasil
2015 Estação Pinacoteca, São Paulo, Brasil
Centro Cultural Banco do Brasil, Belo Horizonte, Brasil
Só Lâmina, Galeria de Artes do Sesc Arapiraca, Arapiraca, Brasil
2014 Ensaio Sobre a Dádiva, Fundação Iberê Camargo, Porto Alegre, Brasil
Hora da Razão, Caixa Cultural Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil
É isto um homem?, Museu da Imigração, São Paulo, Brasil
Só Lâmina, SESC Centro, Porto Velho; SESC Palmas, Palmas, Brasil
2013 Anjo e Boneco (guaches, 2013), Galeria Fortes Vilaça, São Paulo, Brasil
Cal 87, Centro Universitário Maria Antonia, São Paulo, Brasil
Museu Oscar Niemeyer, Curitiba, Brasil
Só Lâmina, SESC Petrolina, Petrolina, Brasil; MAMAM – Museu de Arte
Moderna Aloísio Magalhães, Recife, Brasil
2012 Nuno Ramos, Ivory Press, Madri, Espanha
Só Lâmina, SESC Palladium, Belo Horizonte, Brasil
O globo da morte de tudo, com Eduardo Climachauska, Galeria Anita Schwartz, Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
3 Lamas (Ai, pareciam eternas!), Galeria Celma Albuquerque, Belo Horizonte, Brasil
2010 Fruto Estranho, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil
Gallery 32 – Embassy of Brazil, London, UK
2008 Fodasefoice, Galpão Fortes Vilaça, São Paulo, Brasil
Asa Branca, Funarte – Fundação Nacional de Artes, Belo Horizonte, Brasil
Pergunte ao, Fundação Eva Klabin, Rio de Janeiro, Brasil
Galeria Bernardo Marques, Lisboa, Portugal
Centro Cultural Banco do Brasil, Brasília, Brasil
2009 Mar Morto, Galeria Anita Schwartz, Rio de Janeiro, Brasil
2006 Nuno Ramos, Instituto Cultural Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil
Umanoite, Arte21 Galeria, Rio de Janeiro
Ouro Negro, Matias Brotas Galeria, Vitória, Brasil
Ai de mim!, Galeria Fortes Vilaça, São Paulo, Brasil
2004 Morte das Casas, Centro Cultural Banco do Brasil, São Paulo, Brasil
Nuno Ramos e Frank Stella, Nave 5, São Paulo, Brasil
2003 Folha Seca, Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil
O que são as horas?, Museu da Pampulha, Belo Horizonte, Brasil
Calado, (permanent public work), Museu do Açude, Rio de Janeiro, Brasil
Maré-caixão (non-permanent public work), Palmas, Santa Catarina, Brasil
2002 Terra da Sede, Centro Cultural Maria Antonia, São Paulo, Brasil
Galeria Casa da Imagem, Curitiba, Brasil
Luz Negra, Galeria Fortes Vilaça, São Paulo, Brasil
Pagão, Igreja do Rosário, Ouro Preto; Escola Guignard, Belo Horizonte, Brasil
Fungos, second version, Museu da Inconfidência, Ouro Preto Galeria Gesto Gráfico, Belo Horizonte, Brasil
Dois Irmãos, Maria Helena e Antonio Carlos Viana de Barros Collection, Juqueí, Brasil
2001 Craca, second version (permanent public sculpture), São Paulo, Brasil
Maré, second version (non-permanent public sculpture), Palmas, Brasil
2000 Nuno Ramos, Museu de Arte Contemporânea, São Paulo, Brasil
Maré- Mobília, (non-permanent public sculpture), Nova Almeida, Brasil
El Olimpo, Centro Cultural Maria Antonia, São Paulo, Brasil
Para Goeldi, second version, Casa Vermelha, Curitiba, Brasil
Black and Blue, Museum of Contemporary Art, San Diego, EUA
Minuano (permanent public work), Barra do Quarai, Brasil
1999 Nuno Ramos, Centro Hélio Oiticica, Rio de Janeiro, Brasil
1998 Noites Brancas, ARCO, Project Room, Madri, Espanha
Fungos, Museu da Chácara do Céu, Rio de Janeiro, Brasil
Galeria Camargo Vilaça, São Paulo, Brasil
Paço das Artes, atelier Finep, Rio de Janeiro, Brasil
1997 Manorá, Centro de Estudos Brasileiros, Assunción, Paraguai
Afogadas, Museu de Arte de São Paulo e Centro Hélio Oiticia, Rio de Janeiro, Brasil
1996 Para Goeldi, AS Studio, São Paulo, Brasil
Às Vezes, Universidade Federal do Espírito Santo, Brasil
Matacão, Orlândia (permanent public sculpture), Brasil
1995 Milky-Way, Brooke-Alexander, New York, EUA
1994 Montes, SESC-Pompéia, São Paulo, Brasil
1993 111, Gabinete de Arte, Raquel Arnaud, Brasil
1992 Centro de Estudos Brasileiros, Assunción, Paraguai
111, Sala Mario Quintana, Porto Alegre, Brasil
1991 Gabinete de Arte, São Paulo, Brasil
Galeria Gesto Gráfico, Belo Horizonte, Brasil
1990 Gabinete de Arte, São Paulo, Brasil
Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil
Pulitzer Art Gallery, Amsterdã, Holanda
1988 Museu de Arte Contemporânea, São Paulo, Brasil
INAP-Funarte, Rio de Janeiro, Brasil
1987 Perspectivas Recentes da Escultura Brasileira, INAP-Funarte, Rio de Janeiro, Brasil
1983 Sesc Vila-Nova, São Paulo, Brasil

exposições coletivas | group exhibitions
2015 Casa 7 no Pivô, Pivô, São Paulo, Brasil
Rio, de todos os sons, Cidade das Artes, Rio de Janeiro, Brasil
The Poetry In Between: South-South, Goodman Gallery, Cape Town, South Africa
A primeira do ano – Pequenos Formatos, Anita Schwartz Galeria de Arte, Rio de Janeiro, Brasil
CCNK – Centro Cultural Néstor Kirchner, Buenos Aires, Argentina
Retroprospectiva: 25 anos do Programa de Exposições CCSP, Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil
O Espírito de Cada Época, Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto, Brasil
2014 É tudo Nordeste? – 3ª Bienal da Bahia, Museu de Arte Moderna da Bahia, Salvador, Brasil
140 Caracteres, MAM Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo, Brasil
Éter, Galeria Anita Schwartz, Rio de Janeiro, Brasil
Vertigo, SIM Galeria, Curitiba, Brasil
A Tara por Livros ou a Tara de Papel, Galeria Bergamin, São Paulo, Brasil
Matriz e Desconstrução, Anita Schwartz Galeria, Rio de Janeiro, Brasil
Inventário da Paixão, Museu Histórico Nacional, Rio de Janeiro, Brasil
Trans-visible – 19 Bienal de Arte Paiz, Fundación Paiz, Guatemala
Made by… Feito por Brasileiros, Cidade Matarazzo, São Paulo, Brasil
Trans-visible – 19 Bienal de Arte Paiz, Fundación Paiz, Guatemala
NO SÉ (El templo del Sol), Parque de la Memoria, Buenos Aires, Argentina
First Escape and Rescue Plan for the Rhine Main Region, Künstlerhaus
Mousonturm Frankfurt a.M., Frankfurt, Germany
Casa 7, Galeria Bergamin, São Paulo, Brasil
Coletiva de Verão, Galeria Fortes Vilaça, São Paulo, Brasil
2013 Abstractions, Carré d’Art Museum, Nîmes, França
Tomie Ohtake – Correspondências, Instituto Tomie Othake, São Paulo, Brasil
2012 Mostra SESC de Artes, SESC Pompéia, São Paulo, Brasil
2011 Europalia, Fodasefoice, performance at Atelier Sidnei Tendler, Bruxelas, Bélgica
2010 XXIX Bienal Internacional de São Paulo, Brasil
2009 Arte para Crianças – Uma exposição de arte contemporânea para o publico infantil, SESC Pompéia, São Paulo, Brasil
5ª Bienal VentoSul, Instituto Paranaense de Arte, Curitiba, Brasil
2008 God is Design, Galpão Fortes Vilaça, São Paulo, Brasil
Geografías (in)visibles – Arte Contemporáneo Latinoamericano en la Colección Patricia Phelps de Cisneros, Centro León, Santiago, República Domincana
De Perto e de Longe – Paralela 08, Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo, São Brasil
2007 80-90: Modernos, Pós Modernos, etc, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil
Encuentro entre dos Mares, Bienal de São Paulo – Valencia, Valância, Espanha
Poética da Percepção, Espaço Vivo, São Paulo, Brasil
2006 MAM na Oca, Pavilhão Lucas Nogueira Garcez, São Paulo, Brasil
Paralela, Pavilhão Armando de Arruda Pereira, São Paulo, Brasil
CACI – Centro de Arte Contemporânea de Inhotim, Brumadinho, Brasil
2005 5ª Bienal do Mercosul, Porto Alegre, Brasil
29º Panorama de Arte Brasileira, MAM – Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo, Brasil
2004 Casa – Poética do Espaço na Arte Brasileira, Museu Vale do Rio Doce, Vila Velha, Brasil
Novas aquisições 2003 – Coleção Gilberto Chateaubriand, MAM -Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil
Encontro com Arte – Nuno Ramos e Frank Stella, Nave5, São Paulo, Brasil
Como vai você , Geração 80?, Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro; Centro Cultural Banco do Brasil, Brasília, Brasil
Invenção de Mundos, Coleção Marcantônio Vilaça, Museu Vale do Rio Doce, Vila Velha, Brasil
2003 Marcantonio Vilaça – Passaporte Contemporâneo, MAC USP – Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil
Quero ter olhos para ver, I Mostra do Programa de Exposições 2003, Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil
2002 Caminhos do Contemporâneo, Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil
Ultrabaroque – Aspects of Post Latin American Art, Museu de Arte de Porto Rico, Porto Rico; Chicago Cultural Center, Chicago, EUA
Atarazanas, Valencia, Spain; Forth Worth Museum of Modern Art, San Francisco, USA; Museum of Modern Art, Walker Art Center, Minneapolis, EUA
Coleção Gilberto Chateaubriand, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Brasil
Homenagem a Emanuel Araújo, Pinacoteca do Estado, São Paulo, Brasil
Violência e Paixão, Mostra Rio, Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro, Centro Cultural Santander, Porto Alegre, Brasil
2001 A Luz na Arte Brasileira, Centro Cultural Itaú, São Paulo, Brasil
Espelho Cego, Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil
O Olhar Hedonista, Museu da Cidade, Barra Mansa, Brasil
Fim de Milênio, Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil
Esculturas Brasileiras na Luz, Paço das Artes, São Paulo, Brasil
A Imagem do Som de Antonio Carlos Jobim, Paço das Artes, Rio de Janeiro, Brasil
Bienal 50 anos, Fundação Bienal, São Paulo, Brasil
A Ótica do Invisível, Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro e São Paulo, Brasil
Paralela, São Paulo, Brasil
Experiment-Experiência, Museum of Modern Art, Oxford, Reino Unido
Brasil Políticas de la diferencia: Arte Iberoamericano fin de siglo, Museo Nacional de Belas Artes de Buenos Aires, Buenos Aires, Argentina, Pinacoteca do Estado de São Paulo, São Paulo, Brasil; Museo Sofia Amber, Caracas, Venezuela; Museu de Arte Contemporáneo de Mexico, Cidade do México, México
2000 O Trabalho do Artista, Instituto Cultural Itaú, São Paulo, Brasil
Ultrabaroque, Aspects of Post-Latin American Art, Museum of Contemporary Art, San Diego, Modern Art
Museum of Fort Worth, San Francisco, Miami Art Museum, Miami and Walker Art Center, Minneapolis, EUA
Brasil 500 anos, Fundação Bienal de São Paulo, Fundação Calouste Goulbenkian, Lisboa, Portugal
1999 Manorá (second version), Por quê Duchamp?, Paço das Artes, São Paulo, Brasil
Figuras, quase Figuras, Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo, Brasil
1998 Navegar é Preciso, Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil
As dimensões da arte contemporânea, Museu de Arte de Ribeirão Preto, Ribeirão Preto, Brasil
Canibaliafetiva, A Estufa, São Paulo, Brasil
Camargovilaça bis, São Paulo, Brasil
1997 Série Mácula, Luz, Casa das Rosas, São Paulo, Brasil
Casa da Imagem, Curitiba, Brasil
Milky-Way, AsiEstalaCosa, Ciudad de México, México
Arte Pará 97, Museu do Estado, Belém do Pará, Brasil
V Bienal Nacional de Arte de Guayana, Venezuela
Fornalha (non permanent public work), Avenida Paulista, São Paulo, Brasil
Diversidade da Escultura Brasileira Contemporânea, Instituto Itaú Cultural, São Paulo, Brasil
A Arte Contemporânea da Gravura, Fundação Cultural de Curitiba, Brasil
1996 Desabadas, Exposição Excesso, Paço das Artes, São Paulo, Brasil
Fornos, Camargo Vilaça, São Paulo, Brasil
Coleção Rubem Breitmann, Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil
1995 Craca, XLVI Biennale di Venecia, Veneza, Itália
Para Goeldi, XI Mostra de Gravura de Curitiba, Curitiba, Brasil
Lajes, Confrontos e Contrastes, Londrina, Brasil
1994 111, Bienal Brasil Século XX, São Paulo, Brasil
Mácula, XXII Bienal Internacional de São Paulo, Brasil
Espaço Namour, São Paulo, Brasil
A fotografia contaminada, Centro Cultural de São Paulo, Brasil
1993 Poética, Gabinete de Arte, São Paulo, Brasil
1992 Quatro Artistas da Coleção Marcantonio Villaça, Casa das Rosas, São Paulo, Brasil
Semana da Semana, Teatro Municipal de São Paulo, Brasil
Brazilian Contemporary Art, Parque Lage, Rio de Janeiro/ Museu de Arte Contemporânea, São Paulo, Brasil
Latin American Artists of the XXth Century, Estación Plaza de Armas, Sevilla, Centre Georges Pompidou, Paris, Kunsthalle, Colonia e The Museum of Modern Art, Nova York
10 Artistas Paulistas, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Brasil
Gabinete de Arte, São Paulo, Brasil
1991 Brasil: La Nueva Generación, Museo de Arte Moderna de Caracas, Venezuela
BR-80, Galeria Itaú, São Paulo, Brasil
I Bienal Internacional de Pintura de Cuenca, Cuenca, Equador
Formas tri-dimensionais: a questão orgânica, Museu Municipal de Arte de Curitiba Galpão EMBRA, Belo Horizonte, Brasil
1989 10 Artistas, Atelier Fortunato, São Paulo, Brasil
XX Bienal Internacional de São Paulo, Brasil
1988 Brasiljá, Leverkusen, Stuttgart, Hannover, Alemanha
Modernité, Musée de la Ville de Paris e Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil
Anos 80, Galeria Arco, São Paulo, Brasil
Homenagem a Carlos Ziccardi, Galeria Subdistrito, São Paulo, Brasil
1987 Expressionismo no Brasil, Heranças e Afinidades, XIX Bienal Internacional de São Paulo, Brasil
1986 Trienal de Nova Delhi, Índia
Segunda Bienal Internacional de Habana, Cuba
Bienal Latino Americana de Arte Sobre papel, Buenos Aires, Argentina
1985 Casa 7, Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro e Museu de Arte Contemporânea, São Paulo, Brasil
12 Artistas Paulistas, Galeria Subdistrito, São Paulo, Brasil
XVIII Bienal Internacional de São Paulo, Brasil
1984 Painéis, Paço das Artes, São Paulo, Brasil
Pintura, Centro Cultural São Paulo, Brasil
Arte na Rua, São Paulo, Brasil
Segundo Salão Paulista de Arte Contemporânea, São Paulo, Brasil
Sétimo Salão Nacional de Artes Plásticas, Fortaleza, Brasil
1983 Salão de Arte Contemporânea de Piracicaba, Piracicaba, Brasil

prêmios e bolsas | grants and awards
2006 2° Prêmio Bravo! Prime de Cultura, Artes Plásticas – Exposição Individual, Brasil
Grant Award – The Barnett and Annalee Newman Foundation, USA
Individual Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil
Prêmio Mário Pedrosa – ABCA – Associação Brasileira de Críticos de Arte, Brasil
2000 El Olimpo, Parque de la memória, Argentina
1994 Bolsa da Fundação Vitae – Apoio à Cultura, Educação e Bem Estar Social, Brasil
1990 Brazilian Prize for Visual Arts
1987 1st Emile Eddé Visual Arts Scholarship, Brasil
1986 Painting Prize, 6th New Delhi Triennial, India
1984 7º Salão Nacional de Artes Plásticas, Brasil

livros | books
2011 Junco, Editora Iluminuras, São Paulo, Brasil
2010 O Mau Vidraceiro, Editora Globo, São Paulo, Brasil
2009 O, Editora Iluminuras, São Paulo, Brasil
2008 Ensaio geral, Editora Globo, São Paulo, Brasil
2001 O Pão do Corvo, Editora 34, São Paulo, Brasil
2000 Minha Fantasma, edição do autor, São Paulo, Brasil
1993 Cujo, Editora 34, São Paulo, Brasil

livros de arte e objetos | art books and objects
2003 Mocambos (paraGoeldi 3), livro e edição de gravuras, Museu de Arte Moderna de São Paulo e Galeria Paulo Fernandes, Brasil
2002 Un coup de dés, Galeria Fortes Villaça, Brasil
2001 Magalhães, The Coutts Contemporary Art Foundation, Suíça
1995 Balada, Editora 34, Brasil

filmes e vídeos | films and videos
2002 Para Nelson (Luz Negra e Duas Horas), com Eduardo Climashauska
2003 Alvorada
Casco, com Eduardo Climashauska e Gustavo Moura
2006 Iluminai os Terreiros, com Eduardo Climashauska e Gustavo Moura
2010 Verme

coleções | collections
Inhotim Centro de Arte Contemporânea, Minas Gerais, Brasil
Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo – MAC USP, São Paulo, Brasil
Museu de Arte de Brasília, Brasília, Brasil
Museu de Arte Moderna de São Paulo – MAM, São Paulo, Brasil

formação | education
1982 Graduação em Filosofia na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo – FFLCH/USP